(55.11) 3061 7412 | 
 

Produtos e Serviços Oferecidos pelo Centro de Bioterismo

ROE - Balb/c


Foto: SDCFMUSP
Barreira:

Espécie:

Ordem:

Família:

Raça:
convencional

Mus musculus

Rodentia

Muridae

Balb/c




Características

A linhagem de camundongos albinos Balb/c foi originalmente produzida em 1923 por MacDowell (MacDowell, 1927; Bailey DW, 1978). Classificados com inbred, esses animais são albinos e dotados de genótipo A/A Tyrp1b/Tyrp1b Tyrc/Tyrc, Apesar de estar entre as linhagens inbred mais amplamente utilizadas em diversas áreas de pesquisa, esses animais são particularmente utilizados na produção de anticorpos monoclonais, em decorrência de sua produção de plasmocitomas em resposta a injeção de óleo mineral (1).

Os animais Balb/c são sociáveis, podendo ser mantidos em grupos no interior de gaiolas. Possuem baixa atividade em campo aberto (2), alta atividade locomotora espontânea (3) e alta taxa de urinação e defecação (4., 1970).Apresentam baixa incidência de barbeamento e geralmente boa performance de acasalamento, quando comparado com outras linhagens animais (5).

Apresentam uma baixa incidência de cistos no ovário e de tumores mamários, com zero incidência de adenocarcinoma mamario em animais machos, 5% em fêmeas prenhas e 1% em fêmeas virgens, segundo Hoag e colaboradores (Hoag et al., 1963). Apesar disso, camundongos Balb/c desenvolvem com certa facilidade outros tipos de câncer ao longo da vida, incluindo neoplasias reticulares, tumores primários de pulmão e tumores renais (1).

Outras características relacionadas aos animais Balb/c são sua baixa preferência ao álcool, resistência ao desenvolvimento de aterosclerose quando alimentados com dieta aterogênica, alta incidência de calcificação cardíaca, especialmente em machos, alta incidência de distúrbios cardiovasculares e lesões do miocárdio espontâneas, além de sua sensibilidade à radiação X (5).

 

Agradecimentos na pesquisa: Camila Maria Longo Machado, Rafael Y. Ikemori, Karina M. Furuzawa e Rodrigo Aguiar.  

topo


Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo
Diretoria Técnica de Apoio ao Ensino e Pesquisa
Biotério Central da FMUSP
  (55.11) 3061 7412   dir.biot@fm.usp.br
Av. Doutor Arnaldo, 455
Cerqueira César - CEP: 01246-903
SP - Brasil